quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Desejo

How do I wish upon a star when what I actually desire is the star itself?

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

sábado, 6 de agosto de 2011

Retrospectiva

Nascer.
Abrem-se os olhos
Sorrisos aos molhos
E eu a ver.
Comer, beber, dormir, outra vez comer.

Crescer.
Estudar, trabalhar.
Ah, e a paixão.
Depois as paixões
Que são muitos corações
Para singela acção.
O primeiro carro
E o primeiro amar.

Sonhar.
Outro carro, o mesmo amar.
Os teus olhos nos meus
Filhos meus e filhos teus
Virão, já estão a vir, já vieram.
Ah, já nasceram e cresceram
E eu a ver.

Envelhecer.
Dos filhos netos,
Muitos e mais baixos tectos.
Já não posso andar, quanto mais voar.
Voa o tempo.
Solta-se um lamento,
Ferida viva.
Ainda hoje nasci, e vou morrer.
Já morri.

Que bela retrospectiva.